Páginas

terça-feira, 26 de julho de 2011

A Série C não é tão ruim assim

Casa cheia para jogo da Série C: Fortaleza 1 x 3 América-RN
Do enviado especial a Fortaleza

Tarde quente em Fortaleza. Sábado, 23 de julho de 2011. É dia de jogo do Leão na Série C. Para comprar o ingresso, não tive nenhuma dificuldade. Há vários pontos de venda e adquiri a minha entrada, sem fila ou burocracia, numa loja do Fortaleza dentro de um shopping da cidade. O adversário era o América-RN.

Na loja e nas ruas, os torcedores pareciam confiantes. Todos tinham certeza de que o elenco do Tricolor de Aço tem capacidade de colocar o time na Série B no ano que vem. E foi isso mesmo que se viu quando a bola começou a rolar. Pelo menos durante os 15 primeiros minutos de jogo.

O estádio Presidente Vargas estava tomado pelas cores vermelha, azul e branca. Aliás, aqui um parênteses: belíssima arena. Após a reforma, o PV ficou monumental e bastante confortável. Voltando ao confronto, a torcida empurrava o time da casa para o ataque. Tanto que logo aos 6min, Wesley recebeu na entrada da área e soltou um torpedo no ângulo. Golaço na Série C! Era o primeiro e único gol do Fortaleza na partida. O time cearense era melhor e dominava as ações.

A equipe de Natal só assustava na bola parada. E o empate saiu após escanteio. Wanderley subiu sozinho e testou pro fundo das redes. A redonda chegou a tocar a trave antes de entrar. Depois disso, só deu América. O Fortaleza parecia uma equipe sem poder de reação e completamente sem criatividade. Nos contra-ataques o América era muito perigoso. Num deles, já na segunda etapa, Max (lembra dele, torcedor palmeirense???) tocou na saída do goleiro para virar o duelo. "Vergonha, vergonha, vergonha, time sem vergonha", entoava em coro a torcida do Fortaleza.

A crise estava instaurada! Confesso que deu até saudade de momentos em que o meu time de coração não ia bem. Como é gostoso xingar e extravasar no estádio. Mandar todos aqueles atletas pra um lugar melhor do que o Planeta Terra. E já no fim da partida, o volante Val fez fila, driblou até o goleiro Lopes e bateu para fechar o placar. Fortaleza 1 x 3 América-RN.

A marca que fica da Série C é que os jogos são bastante disputados, há muita briga no meio de campo e o juiz é absurdamente caseiro. O árbitro Robson Martins Ferreira, do Maranhão, inventava faltas a favor do Fortaleza e não dava nada para o América-RN. E, mesmo assim, o time de Natal conseguiu uma bela vitória fora de casa.

Assista aos gols da partida:


2 comentários:

  1. "Confesso que deu até saudade de momentos em que o meu time de coração não ia bem". Olha só, eu Sempre achei que o seu time de coração fosse o Palmeiras...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...